Seção: Comentários Teleco

29/10/2006


A Vivo arruma a casa para voltar a crescer

 

A Vivo terminou o 3º trimestre de 2006 (3T06) com 28,7 milhões de celulares e 29,96% de market share. A diferença que a separa da Tim caiu para 4,6 milhões de celulares.

 

 

No 1T06 a Vivo atingiu a marca de 30,1 milhões de celulares, mas apresentou uma queda significativa no ARPU que foi de R$ 29 no 4T05 para R$ 25,4 no 1T06. Diante deste quadro (Consulte: Um ano perdido da Vivo?), ela anunciou no final do 2T06 algumas medidas para reverter a difícil situação em que se encontra, sendo as principais:

  • Implantação de uma rede GSM em 850 MHz.
  • Limpeza da Base de clientes com baixa de 1,8 milhões de celulares inativos em Jun/06.

A limpeza na base de clientes continuou no 3T06 quando a Vivo apresentou adições líquidas de apenas 201 mil celulares. Segundo a Vivo, esta limpeza foi viabilizada pela implantação de uma nova plataforma de sistemas onde já estão inseridos mais de 90% dos clientes (falta BA/SE).

 

Com uma base média de celulares menor no 3T06 o ARPU da Vivo subiu para R$ 28,7 voltando aos patamares apresentados em 2005. Colaborou também para a melhoria do ARPU o fim do Bill & Keep parcial (Mais detalhes).

 

Milhares 1T05 2T05 3T05 4T05 1T06 2T06* 3T06
Celulares
26.958 28.446 28.840 29.805 30.138 28.525
28.726
Adições Liq
416 1.488 394 965 333 -1.613
201
ARPU (R$)
28,8
28,6
28,2
29,0
25,4
24,1
28,7
Pré-Pago
80,3% 80,6% 80,4% 80,7% 80,9% 81,5%
81,7%
Churn**

1,7%

1,7% 2,0% 1,9% 1,8% 4,6%
2,6%

* A Vivo deu baixa em 1.823 mil celulares inativos **mensal

 

A Vivo promoveu também uma revisão dos seus planos de serviço passando a oferecer planos mais flexíveis e reduzindo os preços dos serviços. Ela reconheceu que seus preços estavam acima dos praticados pelos competidores. No SMS, por exemplo, a redução do preço foi de 40%. A Vivo espera que o crescimento do tráfego compense a perda em receita decorrente destas reduções de preço.

 

A Empresa informou que em Out/06 já pode constatar um aumento na recarga de celulares pré-pagos. A receita do pré-pago representou 45% da receita líquida de serviços da Vivo no 3T06.

 

Além destas ações a Vivo reduziu no 3T06 os casos de fraudes e clonagem em 84% em relação ao número de casos em Ago/06. Concluiu também em 31/10/2006 a reestruturação societária com a fusão das 14 prestadoras operacionais na Vivo S.A.

 

Rede GSM em 850 MHz

 

O êxito da estratégia de recuperação da Vivo depende em grande parte da velocidade de implantação de sua rede GSM. Esta rede entrará em operação até o final de 2006. A Vivo não quis precisar no entanto o tamanho da área coberta inicialmente. O objetivo é atingir a mesma cobertura da rede CDMA no 1T07.

 

Para garantir o roaming nacional os telefones celulares GSM da Vivo devem operar em 850 MHz e em 1800 MHz, frequência utilizada pelas outras operadoras GSM. O ideal é ter um celular tri band, operando também em 900 MHz, ou quadri-band, pois a Vivo pretende atingir cobertura nacional implantando uma rede em 1900 MHz em MG e no Nordeste.

 

Para viabilizar a implantação da rede GSM em 850 MHz, mesma faixa utilizada hoje pelas suas redes CDMA, AMPS e TDMA, a Vivo adotou as seguintes providências:

  • Está desligando a sua rede AMPS, o que pode trazer problemas junto a Anatel, uma vez que pela regulamentação vigente as operadoras de banda A devem manter o AMPS em operação para manter o roaming nacional.
  • Acelerou a migração de celulares TDMA para CDMA. A quantidade de celulares TDMA da Vivo caiu de 5,3 milhões (1T06) para 3,5 milhões (3T06).

Diante deste quadro pergunta-se:

  • Estas ações são suficientes para impedir que a Tim ultrapasse a Vivo em market share de celulares? Consulte: A Tim vai ultrapassar a Vivo?
  • Qual será o crescimento da Vivo no Natal?
  • A Tim vai ultrapassar a Vivo em receita ainda este ano?
  • A compra da Telemig Celular pela Vivo poderá modificar este quadro?
  • Qual será a reação dos concorrentes à queda de preços da Vivo?

Comente!

Para enviar sua opinião para publicação como comentário a esta matéria para nosso site, clique aqui!

 

Nota: As informações expressadas nos artigos publicados nesta seção são de responsabilidade exclusiva do autor.

 

 

Comentário de Caetano

Acredito que a vivo vá se manter na liderança nos proximos 12 meses, tanto em receitas quanto em numero de usuarios. a compra da telemig é uma das razões, vai adicionar receitas liquidas ao balanço da vivo. outra razão será o provavel "patinar" da TiM, até essa coisa da venda da sua operação de celulares mundial estar terminada. a primeira coisa nessa hora são corte de investimentos e redução de despesas operacionais, para fazer balanços atrativos para chamar investidores/compradores; isso vai deixar a Tim brasil engessada por algum tempo. outra coisa: a redução dos preços da vivo pode ser considerada apenas um alinhamento de preços. isso vai gerar um maior nivel de uso, mantendo as receitas nos patamares atuais.

 

O grande problema vivo esta mais a frente: sair dessa salada de amps, tdma, cdma, e fazer tudo isso virar GSM. nesse momento sim, as receitas vão sumir e o endividamento vai as alturas. quem tiver ações nesse momento estara ferrado, quem não tiver, como eu, vai compra-las, baratinho. abraço, caetano.

 

 

Comentário de Jorge Araujo

A TIM e a Claro vão comer a VIVO na ceia de Natal. Você compraria/daria um celular CDMA em 12 prestações neste Natal? Só se fosse a Velhinha de Taubaté, que até morreu de desgosto neste último período eleitoral. Rede GSM da VIVO em Dez/06? Só se fosse uma rede virtual com a TIM, Claro ou BrT - vejam só: seria a primeira MVPN do Brasil!!!!! Para baratear seus custos a VIVO vai lançar uma rede GSM em 850, 1800 e 1900MHz com celulares quadriband???????Só pode ser mais um projeto da Qualcomm apoiado pelos diretores de sempre... Êpa, mas eles foram demitidos! Quem está no volante dessa companhia??? Parece-me que ainda não há um plano bem costurado para tirar o a VIVO do atoleiro.

 

Um plano comercial agressivo pode ajudar muito, tirando o foco das questões técnicas e colocando a discussão na redução do preço do serviço - o Lula fez isso com o Bolsa Família e funcionou... só que alguém precisará pagar a conta mais tarde - e esses serão os acionistas... Enquanto os portugueses não sairem a VIVO vai continuar nesse rema-rema (até porque os espanhóis não tem interesse em valorizar as ações que vão comprar).

 

 

Comentário de Tiago Gebrim

A Vivo está no rumo certo.

 

Por muito tempo, parece que a empresa esteve "estagnada" intencionalmente, pelo fato de possuir a maioria de clientes e uma área de cobertura esmagadoramente maior que as concorrentes. Daí, o tempo foi mudando, as concorrentes foram oferecendo planos novos, condições especiais, e diminuindo, significativamente, a diferença da área de cobertura. E a Vivo não percebeu isso, até que a sua liderança ficou perigosamente ameaçada...

 

E agora, reagiu. O primeiro passo foi a arrumação da propaganda. Porque eis aí uma coisa que a Vivo não tinha. De repente, bumm!, todo comercial passava uma propaganda (diferente!) da Vivo.

 

Em segundo, decidiu arriscar e implantar uma cobertura GSM. É nítido que o CDMA não conseguiu sua popularidade, pelas já interminaveis questões, como Roaming Internacional e praticidade... Enfim, adotando o GSM, ela obtém plano de igualdade frente às outras operadoras.

 

Agora, a Vivo vai ter de ter calma, para conseguir voltar a ter um crescimento satisfatório. Mas com uma rede GSM estabilizada (e diga-se de passagem, farta ou, pelo menos, em crescimente acelerado) e novos planos, diversificados, bastará esperar, mas claro, sempre "espiando" o lado de fora, para não ter outro "susto" desses...

 

 

Workshop

 

 

Loading
CONSULTORIA TELECO

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Celular Brasil 2016

Telecom e Capex

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Market Update 2017

04 de Abril

Regulamentação de Telecom

Mais Produtos

 
 

EVENTOS

Workshop Teleco Market Update 2017

Organizador: Teleco
4 de abril

IoT BRASIL SUMMIT 2017

Organizador: Telesemana/Teleco
5 de abril

Mais Eventos

LIVROS

 




 

 


Siga o Teleco

linkedin

 

...