Seção: Comentários Teleco

17/03/2007


A receita das celulares vai ultrapassar a das fixas?

 

A receita bruta das operadoras de telefonia fixa e celular no Brasil foi de R$ 120 bilhões em 2006, com um crescimento de 6,8% em relação a 2005. A receita do celular cresceu 14,7% e já representa 41,1% deste total. A receita bruta da telefonia fixa (inclui banda larga) cresceu 2,0% atingindo um total de R$ 70,5 bilhões contra R$ 69,2 bilhões em 2005. Observe-se que com exceção da Tim, a receita das chamadas de longa distância das celulares vai para as correspondentes fixas.

 

Fonte: Operadoras e Teleco.

 

O crescimento apresentado pelas operadoras de celular é uma das razões do maior valor de mercado apresentado por empresas como a Tim no Brasil, quando comparado a outras empresas de telefonia fixa. A figura a seguir apresenta o valor de mercado (fev/07) e a receita bruta das principais operadoras em 2006.

 

Nota: Valor de mercado em fev/07 e receita bruta do ano de 2006.

 

O crescimento do celular e da banda larga estão provocando uma redução na receita do serviço telefônico fixo das concessionárias (Telemar, BrT e Telefonica). Em 2006, a receita de serviço local do conjunto destas operadoras apresentou queda de 1,4% e a de longa distância de 4,6%. A queda na receita nestes serviços foi compensada por um crescimento de 13,1% na receita de comunicação de dados que inclui acesso banda larga à Internet.

 

 

A migração do acesso discado à Internet para banda larga e o crescimento do celular estão provocando uma queda na quantidade de acessos fixos em serviço. Esta queda foi de 1,8 milhões de acessos em 2006 para as concessionárias de telefonia local (mais detalhes).

 

Grupos como a Telefonica e a América Móvil já possuem mais da metade da sua receita vinda do celular. Na Telefonica, com a aquisição do grupo O2, a receita do celular passou a representar em 2006 cerca de 57% da receita do grupo. Na América Móvil, que agora controla a Telmex, este percentual foi de 58%.

 

Diante deste quadro pergunta-se:

  • A receita das celulares vai continuar crescendo? Irá ultrapassar a das fixas no Brasil? Quando?
  • A mobilidade afetará a Banda Larga da mesma forma que está afetando a telefonia fixa?
  • Como a 3G afetará a divisão de receitas entre fixas e móveis? E a convergência?

Comente!

Para enviar sua opinião para publicação como comentário a esta matéria para nosso site, clique aqui!

 

Nota: As informações expressadas nos artigos publicados nesta seção são de responsabilidade exclusiva do autor.

 

 

Workshop

 

 

Loading
CONSULTORIA TELECO

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Celular Brasil 2016

Telecom e Capex

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Internet das Coisas
27 de Junho

Market Update

Regulamentação

Mais Produtos

 
 

EVENTOS

Workshop de Internet das Coisas

Organizador: Teleco
27 de junho

Mais Eventos

LIVROS

 




 

 


Siga o Teleco

linkedin

 

...