Seção: Comentários Teleco

22/07/2007


Claro lidera no 2T07, Vivo vai se manter na liderança?

 

O Brasil terminou o 1º semestre de 2007 com 106,7 milhões de celulares e uma densidade de 56,45 cel/100 hab.

 

Depois de um 1º trimestre de baixo crescimento, com adições líquidas de 2,2 milhões de celulares, o celular voltou a apresentar um ritmo mais forte de crescimento no 2º trimestre de 2007 (2T07), apresentando adições líquidas de 4,5 milhões de celulares.

 

As adições líquidas de 6,7 milhões no 1º semestre de 2007 são superiores às do 1º semestre de 2006 (5,5 milhões) e estão em linha com as projeções do Teleco de adições líquidas de 12,5 milhões de celulares para 2007 (mais detalhes)

 

A Claro liderou o crescimento do celular no 2º trimestre de 2007 (2T07) com adições líquidas de 1,64 milhões de celulares.

 

 

A Vivo foi a novidade do 2T07. Ela apresentou adições líquidas de 1,2 milhões celulares no trimestre, as maiores dos últimos 2 anos. O GSM, presente em 2.250 municípios, foi responsável por 84% das ativações totais. Mais de 3,3 milhões dos aparelhos vendidos pela Vivo em 2007 são de tecnologia GSM.

 

A Vivo voltou, em Jun/07, a ultrapassar a marca de 30 milhões de celulares (30,2 milhões). Seu ARPU se manteve estável em R$ 29,9 no 2T07, mas a Margem EBITDA e o prejuízo pioraram em relação ao apresentado no 1T07 (mais detalhes). A Tim terminou o semestre com 27,5 milhões de celulares e a Claro com 26,3 milhões.

 

Com a Vivo passando a apresentar adições líquidas no mesmo patamar que Tim e Claro, fica mais difícil que ela seja ultrapassada em market share por estas operadoras em 2007. No final de Jun/07, a diferença entre Vivo e Tim era de 2,7 milhões de celulares e entre Vivo e Claro de 3,9 milhões.

 

 

Este quadro pode, no entanto, ser modificado se a Claro adquirir a Telemig e a Amazônia Celular que possuíam 4,8 milhões de celulares em Jun/07.

 

Vivo, Tim e Claro foram responsáveis por 89% das adições líquidas de celulares no 2T07. A Oi apresentou adições líquidas de 276 mil celulares e a BrT de 133 mil celulares.

 

Como o Teleco havia previsto (mais detalhes), o baixo crescimento apresentado pela Oi nos últimos meses levou à perda da liderança na Região I. A Tim assumiu a liderança na Região I em Jun/07 com 13,77 milhões de celulares contra 13,63 milhões da Oi.

 

Diante desse quadro, pergunta-se:

  • A Vivo vai se manter na liderança do celular no Brasil? Será ultrapassada pela Claro ou pela Tim?
  • Quem vai comprar a Telemig e a Amazônia Celular?
  • Por que a Oi perdeu a liderança para a Tim na Região I?
  • Qual será o comportamento do churn no 3T07?

Comente!

Para enviar sua opinião para publicação como comentário a esta matéria para nosso site, clique aqui!

 

Nota: As informações expressadas nos artigos publicados nesta seção são de responsabilidade exclusiva do autor.

 

 

Comentário de Francisco José de Oliveira

A Vivo consolidando sua rede GSM mais a compra da Telemig Celular e Amazônia Celular ela voltara a liderança do mercado Brasileiro. Mas caso ela venha realmente comprar estas duas empresas.

 

Não vejo outra empresa que não seja a VIVO para adquirir a Telemig Celular e Amazônia Celular. Caso uma Claro, TIM ou Oi venha entrar nesta disputa será para fazer adições em sua carteira, pois todas já tem rede ou projeto de expansão nas duas áreas que elas estão. E o custo será alto para que se faça apenas adições em suas carteiras. Como nos todos sabemos existem dentro destas empresas TC e AC que são seus corpo técnico experiência de rede GSM. Ela só vem agregar para quem for comprar e não acrescentar no que existe.

 

A Oi vem mudando o seu foco de atuação algum tempo, focando mais os acessos pré pagos e venda de Chip de acesso sem agregar o telefone móvel tanto no pos pago como no corporativo. Visando crescimento de quantidade de acessos em sua rede. Na região I o foco e mais empresas e planos pos pagos. E ainda as indústrias de Telefone Celulares preferem comercializar diretamente as operadoras e não para o consumidor final no Brasil.

 

O que estamos vendo e um crescimento do churn para o segundo semestre, pois as operadoras TIM, CLARO e VIVO estão focando seus esforços em VAS "valor agregado em serviço" com ofertas para o mercado agressivo em equipamentos para o consumidor final. Deixando um pouco a disputa de valores de minutos locais e longa distancia em sua rede. Isso significa uma formula sólida de crescimento e futuros investimentos no Brasil a médio e longo prazo.

 

 

Comentário de Silvio Marques

A Vivo teria que ter um crescimento pífio, ou negativo, e a Claro ou TIM teriam que bater recorde para ultrapassarem a Vivo. Se a Vivo não tivessse implantado a rede GSM certamente a queda do 1º para o 3º lugar seria questão de tempo, a Claro e TIM brigariam pela liderança, mas após a implantação da rede GSM a Vivo voltou a crescer e consolidar sua liderança, pena que a frequencia de operação é de 850 Mhz, e não 900 Mhz como é da Claro, Oi e TIM, sendo assim os clientes destas três que desejarem adquirir Vivo Chip sem trocar de aparelho, só poderão fazê-lo caso o mesmo seja quadriband.

 

A briga está entre a Claro e a Vivo. A Vivo deve focar todos os esforços na Telemig, assim passaria a operar em Minas Gerais e ter tambem cobertura completa na região sudeste, deixando de atender apenas alguns estados do Nordeste. Já a Claro deve focar na Amazonia celular, assim garantirá a cobertura na Região Norte.

 

A Oi só atua na Região I, enquanto as suas concorrentes, atuam em quase todo o país. A Oi perdeu a liderança para a TIM que é justamente a operadora que tem cobertura em 100% do país.

 

Não há como saber sem uma análise detalhada, o mercado é muito dinâmico.

 

 

Workshop Celular Market Update

 

 

Loading
CONSULTORIA TELECO

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Celular Brasil 2016

Telecom e Capex

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Internet das Coisas
27 de Junho

Market Update

Regulamentação

Mais Produtos

 
 

EVENTOS

Workshop de Internet das Coisas

Organizador: Teleco
27 de junho

Mais Eventos

LIVROS

 




 

 


Siga o Teleco

linkedin

 

...