Seção: Comentários Teleco

18/11/07


3G vai acelerar o crescimento da Banda Larga no Brasil?

 

O Brasil terminou o 3º trimestre de 2007 (3T07) com 6,95 milhões de acessos banda larga e uma densidade de 3,7 acessos por 100 habitantes. O trimestre apresentou um crescimento recorde, com adições líquidas de 534 mil acessos, graças a uma melhoria no desempenho da Telemar (Oi) que apresentou adições líquidas de 127 mil acessos no trimestre.

 

Nota: Net inclui Vivax

 

Apesar deste resultado, o crescimento acumulado nos últimos 12 meses continuou sendo de cerca de 1,8 milhões de acessos banda larga, patamar que vem sendo mantido desde o 1T06. A continuar neste ritmo o Brasil só chegará a uma densidade de 10 acessos banda larga por 100 habitantes em 2014. A Europa e Estados Unidos já apresentam uma densidade superior a 20 acessos por 100 habitantes.

 

As principais operadoras de banda larga no Brasil são as concessionárias de telefonia fixa (Telemar, BrT e Telefonica) com o ADSL e a Net, operadora de TV por Assinatura.

 

A Net(inclui Vivax) vem liderando o crescimento da banda larga no Brasil apresentando adições líquidas superiores a de seus competidores e brigando pela 3ª posição com a Telemar.

 

 

 

Um dos limitantes para o crescimento da banda larga no Brasil é a cobertura restrita deste serviço. Levantamento realizado pelo Teleco indicou que a banda larga oferecida pelas operadoras de telefonia fixa e de TV por assinatura está presente em apenas 42,5% dos municípios brasileiros. Além disto, a oferta dentro destes municípios atinge uma área geográfica limitada. Esta cobertura é complementada pelos pequenos provedores de internet que estão presentes em 74,2% dos municípios (mais detalhes). A modificação dos compromissos de universalização das concessionárias de telefonia fixa, com a troca de metas de instalação de postos de serviço (PST) pela construção de backhaul para municípios não atendidos pode contribuir para a solução deste problema.

 

Apesar de se observar avanço na velocidade dos acessos de banda larga no Brasil eles ainda apresentam sérias limitações. Conexões com velocidades de até 8 Mbit/s estão disponíveis nos grandes centros urbanos como Rio de Janeiro e São Paulo, o que não ocorre, no entanto, na maioria dos municípios.

 

Diante deste cenário, as conexões wireless aparecem como uma alternativa para ampliar a oferta e a cobertura geográfica. Nos Estados Unidos, por exemplo, as conexões banda larga wireless móvel cresceram de 3,1 milhões em 2005 para 21,9 milhões em 2006 (mais detalhes).

 

 

No Brasil, Claro e Telemig deram início a suas operações 3G (WCDMA/HSDPA) em Nov/07. Espera-se que em 2008 estas e as demais operadoras de celular implantem suas redes 3G com uma cobertura abrangente em todo o território nacional.

 

Com 3G estas operadoras passam a oferecer uma conexão banda larga móvel com velocidades próximas a 1 Mbit/s e preços que variam com a quantidade de dados transferida no mês.

 

A tabela a seguir apresenta a limitação mensal em Giga Bytes para pacotes que custam R$ 99,9. Vivo e Giro (Embratel) oferecem estes serviços com uma rede 3G (EVDO).

 

Preço mensal
R$
Limitação mensal
Telemig
99,9
5GB
Claro
99,9
2GB
Vivo
99,9
1GB
Giro (EVDO)
99,9*
5GB

* Com aluguel do modem

 

Estes preços são competitivos com os oferecidos pelas operadoras de telefonia fixa e de TV por assinatura para uma conexão banda larga com velocidade de 1 Mbit/s.

 

Preço mensal
R$
Comentário
Telemar
152,80
R$ 34,90 em Belo Horizonte e Rio de Janeiro
BrT
99,90
-
Telefonica
89,90
-
GVT
119,9
15 GB
Net
99,90

2 Mbit/s.

Preço cai para 79,90 com TV

Ajato
99,90
-

 

Embora a banda larga fixa continue sendo a melhor opção para "heavy users" com grande utilização da Internet, a 3G compensa a limitação em taxa de transferência com a flexibilidade da banda larga móvel que pode ser utilizada em qualquer lugar onde existir cobertura por parte da operadora. Na falta de cobertura 3G pode-se utilizar a rede GPRS/EDGE.

 

A Banda larga móvel apresenta ainda opções de pacotes a preços mais baixos que podem caber no bolso de usuários de menor poder aquisitivo. A Telemig está oferecendo pacotes de 2 MB a partir de R$ 4,90.

 

A oferta da banda larga móvel combinada com um pacote de acesso ilimitado em redes Wi-Fi é outra opção que tem tido muito sucesso nos Estados Unidos.

 

Finalmente, o WiMAX aparece também como um alternativa wireless para oferta de banda larga fixa ou móvel. A expectativa é que a licitação de frequências de WiMAX ocorra em 2008.

 

Diante deste quadro pergunta-se:

  • O crescimento da banda larga vai se acelerar no Brasil em 2008?
  • Você trocaria a banda larga fixa da sua residência pela banda larga móvel?
  • O preço ainda é uma barreira para a adoção da banda larga no Brasil?
  • A entrada da Tecnologia WiMAx vai acelerar a penetração da banda larga no Brasil? E o relançamento da Telebrás como operadora de banda larga?

Comente!

Para enviar sua opinião para publicação como comentário a esta matéria para nosso site, clique aqui!

 

Nota: As informações expressadas nos artigos publicados nesta seção são de responsabilidade exclusiva do autor.

 

 

Comentário de Diego Duarte

Bem amigos, o comentário do site foi muito interessante.

Sabemos que com isso, no minimo, vai haver uma pequena mexida no mercado de Banda Larga Fixa, principalmente no nordeste, em função de, como demonstrado na tabela, a Oi cobrar valores extremamente acima do mercado, para uso de banda larga.

A Claro, como não indicado ali (achei interessante indicar, para não causar confusão), tambem tem pacotes especiais para internet, de uso "ilimitado". Mas porque entre aspas? Veja bem:

A Claro, tem a oferta de acesso, à 500k, por 69,90, com limite de tráfego de 5GB, e 1mbps por 99,90, com 10GB de limite, e caso você passe esse limite, a sua velocidade é reduzida para 128k, até o fim do mes (mesmo modelo aplicado pela Telmex e America movil, para o Virtua da NET, e as CTI's Movil, da America movil, em seus respectivos 3G).

Lembrando que, como qualquer operadora que se preze, NÃO EXIGE PROVEDOR, nos planos indicados acima.

Lembrando que esses pacotes especiais, so podem ser assinados, na venda casada dos modems Giant e Huawei (dizem alguns que dependendo, há promoções em que o modem sai de graça), e é possivel fazer chamadas de voz ou videocall (tal como o TIM Web 2,5G, onde a premissa inicial é internet, mas é possivel tambem fazer chamadas.).

No mais, ainda sim, finalmente entramos - timidamente, mas é questão de tempo - na era do acesso 3G, e assim vamos caminhando aqui com a Telemig em BH, com seus pacotes ainda timidos, mas que podem ser usados até em pré-pagos.

Nichos e nichos de mercado.

A coisa ainda vai esquentar, e muito. E como dizem: Quem ganha é o consumidor.

 

 

Workshop Celular Market Update

 

 

CONSULTORIA TELECO

Relatórios

Imagem cortesia FreeDigitalPhotos.net

Telecom, Celular e Capex

Workshops

Market Update

America Latina

Regulamentação de Telecom

Consultoria

Estudos e Base de Dados

Mais Produtos

EVENTOS

Mais Eventos




 

 


Siga o Teleco

 

...

 

 

Imprima esta página

Adicione aos Favoritos Comunique erros