Seção: Comentários Teleco

23/06/2008


Natal e Dia das Mães é com a Vivo

 

A competição entre as operadoras de celular se acirrou em 2008, acelerando o crescimento do celular no Brasil. As adições líquidas no acumulado até Mai/08 já somam 9,6 milhões de celulares, contra 5,2 milhões em igual período de 2007.

 

O mês de maio apresentou, no entanto, um resultado diferente do observado nos 4 primeiros meses do ano, quando Oi e Tim lideraram o crescimento. (mais detalhes).

 

Vivo (976 mil) e Claro (701 mil) foram as operadoras líderes em adições líquidas em maio, superando Oi (510 mil) e Tim (391 mil).

 

Este resultado, aparentemente surpreendente, não parece ter acontecido por acaso. Vivo e Claro têm se destacado em adições líquidas em meses com datas especiais como "Dia das Mães" (Maio) e "Natal" (Dezembro).

 

 

Uma possível explicação para esta tendência seria o fato das duas operadoras apresentarem um foco maior na vendas de aparelhos do que Oi e Tim. Um aparelho subsidiado, associado a uma promoção como a de 5 centavos por minuto da Vivo, acaba se tornando mais atrativo como presente.

 

O crescimento da Vivo foi forte em todo o país. Ela recuperou a liderança em market share (28,8%) no estado de Minas Gerais, ultrapassando a Tim (27,98%). A Telemig havia perdido esta liderança em Set/07.

 

 

Merece destaque também a atuação da Vivo na região metropolitana de São Paulo (DDD 11).

 

Adições Líquidas em São Paulo ( DDD 11)
Milhares
Jan/08
Fev/08
Mar/08
Abr/08
Mai/08
Vivo
63
27
58
62
152
Claro
69
36
75
75
135
TIM
132
101
72
92
96

 

Em maio, a Vivo saiu do terceiro lugar em adições líquidas que ocupou durante os 4 primeiros meses do ano, para a liderança com adições líquidas de 152 mil celulares.

 

Com o resultado de maio a Vivo assumiu a liderança em adições líquidas no acumulado do ano (2.371 mil celulares), superando a Oi (2.303 mil). A Oi apresentou em maio um desempenho no mesmo patamar dos meses anteriores e pode recuperar esta liderança nos próximos meses.

 

A Claro apresentou também um bom resultado em maio e conseguiu reduzir a diferença que a separa da Tim. Esta diferença, que havia subido para 1,6 milhões de celulares no inicio do ano, caiu para 1,1 milhão em maio.

 

 

A Tim não conseguiu repetir em maio o bom desempenho dos meses anteriores. Foi a única operadora que perdeu market share neste mês. Acirra-se desta forma a disputa entre Tim e Claro pela segunda posição em market share de celular no país. (mais detalhes).

 

Já a BrT, que vinha num patamar de crescimento mensal de 2,2%, saltou para 4,9% de crescimento em Mai/08. Ela foi a líder em adições líquidas na Região II (230 mil celulares) neste mês. Seu maior sucesso foi obtido no Centro Oeste, onde as adições líquidas da BrT passaram de 68 mil em Abr/08 para 152 mil em Mai/08.



O Brasil terminou Mai/08 com 130,5 milhões de celulares e uma densidade de 68,2 cel/100 hab.. As adições líquidas acumuladas nos últimos 12 meses já são de 25,5 milhões de celulares.

Diante deste quadro pergunta-se:

  • Quem vai liderar o crescimento do celular em 2008?
  • Vivo e Claro vão repetir em junho (Dia dos namorados) o sucesso obtido em maio?
  • A Claro vai ultrapassar a Tim?
  • Qual será o crescimento do celular em 2008?
  • Qual será o comportamento do churn em 2008? Tende a aumentar?
  • A estratégia de investir em ofertas de aparelhos e minutos intra-rede afetará as margens?

Comente!

Para enviar sua opinião para publicação como comentário a esta matéria para nosso site, clique aqui!

 

Nota: As informações expressadas nos artigos publicados nesta seção são de responsabilidade exclusiva do autor.

 

 

Workshop Celular Market Update

 

 

Loading
CONSULTORIA TELECO

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Celular Brasil 2016

Telecom e Capex

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Regulamentação
28/Novembro

Market Update

Internet das Coisas

Mais Produtos

 
 

EVENTOS

Mais Eventos




LIVROS

 

 

 


Siga o Teleco

linkedin

 

...