Seção: Comentários Teleco

 21/02/2009


A crise afetou o crescimento do celular em Jan/09?

 

 

O Brasil terminou Jan/09 com 151,9 milhões de celulares e uma densidade de 79,8 cel/100 hab. As adições líquidas de 1,3 milhões de celulares de Jan/09 foram a segunda mais alta para este mês no país, perdendo apenas para Jan/08.

 

 

 

Apesar das adições líquidas de Jan/09 terem sido inferiores em 570 mil celulares em relação às de Jan/08, não se pode atribuir este efeito à crise econômica. Afinal, Oi/BrT, Claro e Vivo apresentaram em Jan/09 adições líquidas superiores às de Jan/08. A Tim, que apresentou um crescimento atípico em Jan/08, foi a responsável pela queda nas adições líquidas em Jan/09, na comparação com Jan/08.

 

 

Uma análise por Região ajuda a entender melhor este quadro.

 

 

 

 

 

A Região III (São Paulo) foi a única que apresentou em Jan/09 adições líquidas superiores às de Jan/08. A Oi, que entrou em São Paulo em 2008, foi a responsável por este crescimento com adições líquidas de 193 mil celulares em Jan/09.

 

Na Região II, apesar da Tim ter reduzido suas adições líquidas de 203 mil celulares em Jan/08 para 14,5 mil em Jan/09, Claro e BrT superaram em Jan/09 as adições líquidas de Jan/08.

 

 

Já na Região I, apenas a Claro, apresentou um delta positivo na comparação das adições líquidas de Jan/09 com as de Jan/08.

 

 

Milhares
Jan/08
Jan/09
Delta
Claro
128
157
29
Vivo
193
159
(35)
Tim
397
87
(310)
Oi
346
21
(325)

 

 

Além da Tim, que apresentou queda nas adições líquidas de Jan/09 em todo o país, a Oi também apresentou baixo crescimento na Região I.

 

A Oi, líder de mercado na Região I com 30,2% de market share, já havia apresentado adições líquidas negativas nesta Região em Dez/08.

 

Diante deste cenário pergunta-se:

  • A Oi está limpando a base na Região I?
  • A crise já está sendo sentida no crescimento do celular na Região I?

Comente!

Para enviar sua opinião para publicação como comentário a esta matéria para nosso site, clique aqui!

 

Nota: As informações expressadas nos artigos publicados nesta seção são de responsabilidade exclusiva do autor.

 

 

Comentário de Anderson Alves Resende

Em relação ao crescimento da VIVO, ele não é mais super valorizado do que realmente é, a VIVO apostou em uma tecnologia e as outras operadoras não, isso causou e está causando uma perda na sua base de dados, a grande preocupação da VIVO hoje não é a de aumentar sua base e sim de manter os seus clientes, que são assediados a todo tempo por outras operadoras e suas promoções e facilidades.

 

A entrada da Oi no mercado da região II, pela aquisição da BRT, vai causar uma grande mudança no cenário de crescimento das operadoras, o que fará com que a operadora TIM, que teoricamente é a menos expressiva no mercado, seja incorporada ou pela Claro ou pela Oi em breve.

 

A entrada da Oi será um divisor de águas nesse mercado, em que teremos novas ações e promoções que colocaram em "cheque" operadoras como a VIVO que tem gastado muito com campanhas, a fim de aquecer suas vendas.

 

 

Loading
CONSULTORIA TELECO

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Celular Brasil 2016

Telecom e Capex

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Regulamentação
9 de Maio

Internet das Coisas
30 de Maio

Market Update

Mais Produtos

 
 

EVENTOS

Workshop Regulamentação

Organizador: Teleco
9 de maio

Workshop de Internet das Coisas

Organizador: Teleco
30 de maio

Mais Eventos

LIVROS

 




 

 


Siga o Teleco

linkedin

 

...