Seção: Comentários Teleco

 21/07/2009


Qual será o crescimento do celular em 2009?

 

O Brasil terminou o 1º semestre de 2009 com 159,6 milhões de celulares e uma densidade de 83,47 cel/100 hab.

 

As adições líquidas de 2,1 milhões de celulares de Jun/09 foram inferiores às de Jun/08 (2,6 milhões). As adições líquidas apresentaram redução maior na Região I (antiga Telemar).

 

 

A Oi, que liderou o crescimento do celular no 1º semestre de 2008, contribuiu para este resultado. Ela está competindo agressivamente na Região II (da antiga BrT) e na Região III (São Paulo), onde passou a estar presente a partir de Set/08.

 

O crescimento da Oi colaborou para o crescimento da participação do pré pago no total de celulares do Brasil, que atingiu 81,8% em Jun/09.

 

 

 

 

 

 

As adições líquidas do 1º semestre de 2009 foram menores que as de 2008, mas superiores às de 2007.

 

 

 

 

 

O Teleco projetou adições líquidas de 25 milhões de celulares para o Brasil em 2009. Para atingir esta projeção o Brasil terá de apresentar adições líquidas de 16 milhões de celulares no 2º semestre de 2009.

 

O ambiente competitivo no mercado celular brasileiro parece ser suficiente para garantir este resultado. A Oi deve continuar a crescer de forma agressiva nas regiões II e III aproximando-se da Tim. A Claro que apresentou crescimento menor que o habitual no 1º semestre deve voltar a crescer de forma mais agressiva no 2º semestre. A crise parece estar ficando para trás e as adições líquidas acumuladas no últimos 12 meses somam 26,4 milhões de celulares. Note-se ainda que as adições líquidas de 2009 foram afetadas pela limpeza de base de cerca de 1 milhão de celulares promovida pela Tim em Fev/09.

 

 

Diante deste cenário pergunta-se:

  • Quais serão as adições líquidas de celular em 2009 no Brasil?
  • A crise está afetando o crescimento do celular no Brasil?
  • A Oi vai ultrapassar a Tim em 2009?
  • A Região III (São Paulo) tende a ter maior crescimento de clientes pré pagos?

  • Como a expansão da cobertura de 3G afetará o crescimento no 2º. Semestre?

 

Comente!

Para enviar sua opinião para publicação como comentário a esta matéria para nosso site, clique aqui!

 

Nota: As informações expressadas nos artigos publicados nesta seção são de responsabilidade exclusiva do autor.

 

 

Comentário de Júlio Püschel

O crescimento de linhas móveis, apesar de menores do que em 2008, ainda são bastante signativas. Este crescimento tem acontecido principalmente devido as promoções agressivas para os clientes pré-pagos. Ou seja, com os subsídios nas ligações intra-rede as pessoas estão comprando chips de várias operadoras.

 

O Yankee Group estima que deste total de linhas móveis, existem cerca 130 milhões de usuários únicos no Brasil, o restante seria composto de linhas secundárias. O interessante é que quando analisamos o crescimento de usuários únicos no Brasil, de 2003-2008 houve um CAGR de 25%, mas nossa previsão é que de 2008-2013 o CAGR seja de apenas 4%-5%. Consequentemente, a tendência é que seja cada vez mais difícil conquistar novos clientes, demandando estratégias cada vez mais focadas em determinados nichos da sociedade Brasileira.

 

Não será fácil manter o crescimento nos próximos anos baseados apenas em estratégias de subsídios de celulares e de ligações - faz-se necessária uma estratégia de segmentação de mercado, principalmente entre os clientes pré-pagos.

 

 

Comentário de Allan Gomes Fernandes

Pelas expectativas do mercado apresentadas hoje (20/07), podemos ter um segundo semestre bem melhor do que o primeiro, mais o clima de instabilidade ainda é grande o que dificulta a previsão em numeros de adição liquidas.

 

O aumento do pré - pago se resume em dois pontos, o consumidor mais cauteloso, evitando gastos fixos e o claro direciomento da Oi para este publico com ofertas agressivas (empresa muito focada em Marketshare).

 

Há um detalhe importante ignorado pela TELECO a Vivo e a Claro (esta mais que a primeira) marketshare (Vivo - 0,05% e Claro -0,15%), entanto a TIM (+0,12) e a Oi (+0,08), o resultado que parece ser pouco, indica a tendência do segundo semestre.

 

 

Loading
CONSULTORIA TELECO

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Celular Brasil 2016

Telecom e Capex

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Market Update

04 de Abril

Regulamentação de Telecom

Mais Produtos

 
 

EVENTOS

Workshop Teleco Market Update 2016

Organizador: Teleco
4 de abril

IoT BRASIL SUMMIT 2017

Organizador: Telesemana/Teleco
5 de abril

Mais Eventos

LIVROS

 




 

 


Siga o Teleco

linkedin

 

...