Seção: Comentários Teleco

27/03/2011


As tribos do mercado brasileiro de telecomunicações

 

O mercado brasileiro de telefonia passa por um processo de formação de tribos, onde a comunicação de voz entre os seus membros é mais barata do que entre os participantes de tribos diferentes.

 

 

Utilizando os minutos promocionais oferecidos pelas operadoras de celular é possível falar para celulares da mesma operadora por um preço médio por minuto próximo ao das chamadas entre telefones fixos (R$ 0,10), valor bem menor que o de chamadas para outras tribos.

 

 

 

 

Os primeiros a serem afetados neste processo foram os orelhões, que tiveram a sua utilização em minutos em 2010 reduzida para 30% do observado em 2007.

 

A integração entre as tribos está se ampliando com a inclusão da longa distância nestas ofertas. Com o plano Infinity, de chamadas TIM-TIM em todo o Brasil por R$ 0,25, a TIM passou a ser responsável por 48% dos minutos de longa distância nacional do Brasil em Dez/10.

 

 

 

 

Este caminho começa a ser trilhado por outras operadoras, inclusive na telefonia fixa. A NET, por exemplo, tem um plano em que se fala ilimitado FIXO-FIXO em todo o Brasil por R$ 50,00 mensais. A tendência é para planos com chamadas ilimitadas dentro da tribo por um preço fixo mensal, a exemplo do que oferece a comunicação rádio (PTT) da Nextel.

 

Esta queda do preços é bem vinda e está fazendo com que o brasileiro fale mais no celular. Os minutos de uso mensais por usuário (MOU) de celular, que era de 87 minutos em 2009, passou a ser de 109 minutos em 2010. O tráfego de longa distância nacional cresceu mais de 30% em Dez/10 quando comparado com Dez/09.

 

O próximo passo do mercado deve ser a diminuição do preço das chamadas entre tribos. O alto custo das chamadas entre as tribos estimula a posse de mais de um chip enfraquecendo a relação do usuário com uma dada operadora.

 

Isto já acontece com as chamadas de celular para fixo que estão sendo incluídas nos pacotes de minutos gratuitos das operadoras.

 

O espaço é menor nas chamadas Fixo - Celular que tem um custo médio por minuto sem impostos de R$ 0,55, dos quais em média R$ 0,42 são destinados ao pagamento pelo uso da rede dos celulares (VUM).

 

O valor da VUM entre as operadoras é arbitrado pela Anatel que deverá passar a utilizar o modelo de custos para provocar uma redução gradual, a exemplo do que vem ocorrendo em várias partes do mundo. A OFCOM (Reino Unido) e ARCEP (França) anunciaram medidas para reduzir a VU-M neste mês de março de 2011. A OFCOM pretende cortar em 80% o valor da VUM até 2014.

 

A diminuição do preço da VU-M precisa ser feita de forma gradual pois sua receita representou 27% da receita bruta de serviços das operadoras de celular no 4T10.

 

 

Diante deste cenário pergunta-se:

  • O preço das chamadas entre tribos deve cair em 2011?
  • As operadoras de celular irão incluir nas promoções as chamadas para celulares de outras operadoras, ou isto só deve ocorrer com a redução do valor da VU-M?

Comente!

Para enviar sua opinião para publicação como comentário a esta matéria para nosso site, clique aqui!

 

Nota: As informações expressadas nos artigos publicados nesta seção são de responsabilidade exclusiva do autor.

 

 

 

Loading
CONSULTORIA TELECO

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Celular Brasil 2016

Telecom e Capex

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Internet das Coisas
27 de Junho

Market Update

Regulamentação

Mais Produtos

 
 

EVENTOS

Workshop de Internet das Coisas

Organizador: Teleco
27 de junho

Mais Eventos

LIVROS

 




 

 


Siga o Teleco

linkedin

 

...