Seção: Comentários Teleco

11/12/2011


Os planos da TIM para 2012

 

 

 

 

A TIM está colhendo em 2011 os frutos de uma estratégia traçada 2 anos atrás e que teve como um dos seus esteios a aquisição da Intelig.

 

O backbone de fibra da Intelig foi fundamental para o lançamento de sua principal inovação, o plano INFINITY (R$ 0,25 para chamadas on-net locais ou de longa distância). O plano INFINITY decretou a morte da distância nas chamadas telefônicas no Brasil e tornou a TIM líder em market share de minutos de longa distância, superando a Embratel, Oi e Telefônica.

 

 

Em 2011, a TIM ultrapassou a Claro em market share de celulares e lidera o crescimento do celular no ano. O bom desempenho da operadora está se traduzindo não só no crescimento da sua base de celulares como da receita líquida, que cresceu 17,5% no primeiros nove meses do ano.

 

Com os planos INFINITY e Liberty a TIM conseguiu crescer a sua receita de voz móvel mais que a das outras operadoras (17,3% no 3T11 em relação ao 3T10)

 

 

 

Este crescimento da receita da voz tende a diminuir em 2012 e a operadora tem que crescer em dados. A receita bruta de dados da TIM cresceu 47,6% no 3T11, em relação ao 3T10, mas ainda representa 15,7% da receita bruta de serviços. Na Vivo este porcentual é de 25,9%.

 

 

Planos para 2012

 

A TIM pretende continuar inovando em 2012 e a alavanca principal é a aquisição da AES Atimus que possui uma extensa rede de fibra óptica nas regiões metropolitanas do Rio e São Paulo. Com esta aquisição a TIM pretende oferecer nestas regiões:

  • Maior a velocidade no acesso móvel
  • Banda larga residencial de alta velocidade

A operadora pretende conectar com fibra suas ERBs nestas regiões, aumentando a velocidade da conexão com o backhaul para 100 Mbps em Mar/11 e 300 Mbps no futuro. Com um backhaul de maior capacidade poderá ativar o HSPA+ em sua rede e oferecer uma maior velocidade no acesso móvel. Esta solução será replicada em outras cidades utilizando inclusive o swap (troca) de fibras da AES Atimus com as de outras operadoras.

 

Aumentar a velocidade e capacidade de transmissão de dados no acesso móvel é importante para a TIM crescer em dados.

 

 

TIM Fiber

 

 

A TIM pretende lançar um serviço de banda larga fixa residencial nas regiões metropolitanas do Rio e São Paulo (TIM Fiber), com velocidades a partir de 10 Mbps utilizando a rede da AES Atimus.

 

Diferentemente das demais operadoras, a TIM não acredita na convergência. Não pretende oferecer preços mais baixos para banda larga fixa quando ela for oferecida em combos. Para a TIM o mercado de combos está restrito a uma pequena fatia do mercado com alto poder aquisitivo.

 

O combos são ofertas para a residência e TV por assinatura é o serviço com menor penetração nos domicílios brasileiros. A TIM não pretende entrar em TV por assinatura, mas está negociando uma parceria com a SKY para compor a sua oferta.

 

 

Fonte: IBGE e estimativas do Teleco para Internet e TV por Assinatura.

 

 

A venda integrada de serviços (Combos) para residências é uma tendência mundial e foi iniciada pelas operadoras de TV a cabo com suas ofertas triple play (Telefone, banda larga e TV por Assinatura). Com a integração das operações fixas e móveis, as operadoras estão incluindo o celular e a banda larga móvel nestes pacotes. Além de preços mais baixos, os combos devem no futuro propiciar uma maior integração dos serviços ofertados. A TIM aposta que este cenário vai demorar a chegar no Brasil e está partindo para uma oferta individual de serviços (best of breed).

 

 

Diante deste cenário pergunta-se:

  • A oferta de banda larga fixa da TIM vai ter sucesso? Ou os combos vão prevalecer?
  • A entrada da TIM em São Paulo é mais um motivo para a GVT adiar a entrada neste mercado?
  • A TIM conseguirá oferecer dados móveis de alta velocidade fora das regiões metropoilitanas do Rio e São Paulo?
  • A estratégia de voz será modificada?
  • A TIM vai conseguir aumentar a participação da receita de dados na receita de serviços?

Comente!

Para enviar sua opinião para publicação como comentário a esta matéria para nosso site, clique aqui!

 

Nota: As informações expressadas nos artigos publicados nesta seção são de responsabilidade exclusiva do autor.

 

 

 

Loading
CONSULTORIA TELECO

Inteligência em Telecom

Estudos e Base de Dados

Relatórios

Celular Brasil 2016

Telecom e Capex

Venda de Planilhas

Dados históricos do Mercado Brasileiro

Workshops

Internet das Coisas
27 de Junho

Market Update

Regulamentação

Mais Produtos

 
 

EVENTOS

Workshop de Internet das Coisas

Organizador: Teleco
27 de junho

Mais Eventos

LIVROS

 




 

 


Siga o Teleco

linkedin

 

...